Cárie Dentária, Doenças Periodontais e Perda Óssea. Tratamento

Perda óssea: doença periodontal

Causas e consequências da perda de dentes

Tratamento para perda óssea

Veja um vídeo e se informe um pouco mais sobre o problema e tratamento da perda óssea.

Cuidados com a saúde bucal, como higienização correta da boca e consultas odontológicas periódicas, evitam a perda de dentes e os transtornos decorrentes deste problema. Além de um sorriso comprometido, a qualidade de vida do paciente também fica bastante prejudicada. As dificuldades aparecem em momentos simples do dia a dia, como sorrir, morder, mastigar ou ainda na escovação.

Um adulto saudável possui trinta e dois dentes. Com exceção dos quatro sisos, todos eles têm importância fundamental no funcionamento do organismo. Mas, afinal, quais são as principais doenças bucais que causam a perda de dente e quais são os impactos negativos sobre a saúde e o bem-estar do corpo?

Principais doenças bucais

Periodontite crônica ou avançada

A periodontite avançada é uma grave inflamação que compromete todos os tecidos ao redor do dente, responsáveis pela sua sustentação. O problema acontece pelo acúmulo da placa bacteriana na boca, principalmente entre os dentes e a gengiva. Esta, geralmente, se apresenta inflamada (gengivite) no início do problema, e pode retrair-se caso o paciente não passe por um tratamento de periodontite adequado.

Eis alguns fatores que podem aumentar o risco de o paciente vir a ter periodontite crônica, ou avançada:

  • má oclusão dos dentes
  • acúmulo de tártaro
  • cáries
  • baixa produção de saliva
  • fumo
  • medicamentos fortes como antibióticos
Perda óssea: doença periodontal

Em um estágio de periodontite avançada, pode ocorrer a reabsorção óssea, retração da gengiva e por consequência, perda dos dentes. Dessa maneira, é muito importante que ao primeiro sinal de inflamação do periodonto, ou tecidos de sustentação bucal, o paciente procure o tratamento de gengivite, que é, usualmente, uma forma mais branda de possíveis doenças periodontais que se apresentam no início do problema.

Cárie nos dentes: sintomas e tratamento

As cáries dentárias são erosões na superfície do dente causada pelos efeitos combinados de bactérias, ácidos, placa e tártaro. Comuns em crianças e adultos, ocorrem com frequência como resultado de uma má higiene dental. Quando as cáries não são tratadas, podem atingir partes mais profundas do dente e causar dor, infecção e também perda dos dentes.

Caso os sintomas da cárie ainda estejam no início, é possível apenas fazer um tratamento com um profissional competente que saiba como tirar cárie dos dentes, e restaurá-los. Mas, se tal situação se apresentar num quadro mais agudo, talvez o tratamento de cárie deva ser feito por meio de uma restauração de canal, o que pode ser mais dolorido e custoso. Dessa maneira, é muito importante que se cuide dos dentes para que isso não ocorra, preservando, desse modo, seu sorriso e sua saúde bucal.

Trauma dentário

O trauma dentário, obviamente, não se decorre, sempre, de uma doença, podendo ser causado, unicamente, por impacto, como quedas e acidentes, que tem a capacidade arrancar os dentes imediatamente ou fazer com que eles caiam após algum tempo, já que existe a possibilidade de uma fratura na raiz do dente não evidente, aparecendo somente após o desenvolvimento de infecção.

Consequências da perda dos dentes
Mordida errada: aberta, profunda ou cruzada

A perda de dentes faz com que toda a boca entre em um processo de compensação. A movimentação dos outros órgãos tentando equilibrar a arcada dentária, agora desestruturada, acarreta o que, popularmente, é chamado de mordida errada. Esse processo pode provocar algumas mudanças e desencadear imperfeições no sistema bucal como:

  • mordida aberta
  • mordida profunda
  • mordida cruzada
  • outros tipos de mordida errada

Em alguns desses tipos de mordida, os alimentos talvez cheguem maiores do que deveriam ao estômago, dificultando a digestão e a absorção dos nutrientes desde o início do processo mastigatório. Tudo isso poderia ser evitado se, ao ocorrer o trauma dentário, o dentista especializado tivesse sido visitado desde o início do transtorno, garantindo assim a permanência de uma mordida correta no comportamento de mastigação do paciente.

Perda óssea dentária

Após a perda de dentes, o organismo passa por um processo natural de adaptação. Inicia-se uma reabsorção óssea dentária, porque entende-se que o osso que antes suportava o dente perdido já não tem mais utilidade. Se não houver tratamento para perda óssea dentária, essa reabsorção avança e leva a consequências graves, como a perda de mais dentes e o comprometimento do osso da arcada, tão importante para diversas funções do cotidiano.

Para preservar a estrutura bucal, é essencial procurar um dentista assim que um dente for perdido e conversar com ele sobre as soluções disponíveis. Você conhece alguém que já passou por algum dos problemas citados? Compartilhe o artigo com os amigos para que eles também saibam mais sobre os problemas da perda de dentes.

Tratamento para doenças periodontais em Ipatinga

Caso você more perto do Vale do Aço e esteja procurando algum tratamento para doenças periodontais, venha conversar com a gente. Nossa clínica odontológica em Ipatinga possui uma equipe de oito profissionais especializados que atuam de forma integrada em tratamentos odontológicos, assegurando, assim, o melhor resultado, tanto estético quanto de bem-estar ao paciente. Adoraríamos poder ajudá-lo a atingir seus objetivos de vida, com um sorriso aberto para o mundo. Estamos à disposição! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *